Mais compartilhadas

quarta-feira, 17 de outubro de 2012

Transfusão de café com leite mata.

Palmerina Pires Ribeiro morreu após transfusão de café com leite.

Será fatalidade ou irresponsabilidade?

No posto de saúde de São João do Meriti, no estado do Rio de Janeiro, um erro fatal ou uma irresponsabilidade, tirou a vida de uma senhora idosa com cerca de 80 anos.

A vítima dessa vez foi Palmerina Pires Ribeiro, que morreu no passado domingo após ter recebido, "por engano", uma transfusão de café com leite. 

Palmerina estava internada há cerca de dez dias com uma infecção renal e estava a ser alimentada por uma sonda no nariz e também  por soro.

Foi a família da própria Palmerina Pires Ribeiro a detectar o erro e a denunciá-lo. Segundo informações de alguns familiares, duas enfermeiras entraram no quarto da idosa e uma das enfermeiras injetou o café com leite no cateter em que deveria circular apenas soro.

De acordo com algumas informações, o erro fatal terá sido cometido por uma enfermeira estagiária com cerca de 23 anos de idade e que estava trabalhando  no Posto de Saúde  há apenas um mês.

A irresponsabilidade gerou muita revolta e está causando muita polêmica no Rio de Janeiro, a polícia foi acionada e prometeu investigar o caso. A Prefeitura da cidade juntamente com a Diretoria do Posto de Saúde também se comprometeram a investigar o caso e a prestarem esclarecimentos à família da vítima.

Por enquanto as duas profissionais, nomeadamente as enfermeiras e a técnica de enfermagem foram afastadas das funções e podem inclusive a serem acusadas de homicídio.

Parece que virou rotina essas barbaridades porque outro caso semelhante já tinha ocorrido uma semana atrás  na Santa Casa de Barra Mansa, também no Rio de Janeiro. Outra senhora idosa que se chamava Ilda Vitor Maciel, de 88 anos, morreu depois de lhe terem aplicado sopa pela veia, em vez da medicação habitual.

Não é a primeira vez que casos como esses aparecem nos hospitais ou postos de saúdes no Brasil, quem acompanha as notícias sabem muito bem que essas irresponsabilidades volta e meia acontecem, o motivo, esse todos nós desconhecemos, será negligência, falta de preparação ou simplesmente irresponsabilidade?

Nesses casos os "irresponsáveis" deveriam ser punidos duramente, porque com a vida dos seres humanos não se brincam, se não querem trabalhar deem a vaga a quem queira, o que é inadmissível são famílias sofrerem por conta de pessoas irresponsáveis. 

Como uma pessoa se engana e injeta café com leite ou sopa noutra, não tem cabimento nenhum, estas duas cidadãs não seres humanos, uma maldade tamanha não tem cabimento em lugar nenhum, cada vez me revolto mais com pessoas com índoles dessa.