Mais compartilhadas

domingo, 21 de outubro de 2012

Deputados só trabalham de terça a quinta feira.

Mais um "bom projeto" aprovado pelos Deputados de Brasília.

Deputados só trabalham de terça a quinta feira.
Os políticos brasileiros estão se superando cada vez mais, a irresponsabilidade e o mau uso do poder público, ou o uso em benefício próprio, está cada dia mais abusivo.

Digo isto porque a Câmara dos Deputados aprovou na semana passada um projeto que torna oficial a chamada "ponte dos finais de semana" para os deputados. Isto quer dizer que todos os deputados que faltarem ao trabalho as segundas ou as sextas ferias, não serão penalizados e o pior disso tudo é que nem mesmo os seus respectivos vencimentos sofrerão qualquer tipo de penalização, é brincadeira uma situação dessa, o cidadão faltar ao trabalho e receber o mesmo que receberia se tivesse trabalhado.

Bem, isto significa que um final de semana de um deputado pode ter a duração de quatro dias, se ele falta no trabalho à sexta feira, no sábado e no domingo não trabalham e faltam no trabalho à segunda feira, são quatro dias de pura folga, pagos pelo contribuinte brasileiro. Enquanto que um cidadão normal, um contribuinte, mal tem direito a um fim de semana de descanso, isto se o cidadão não precisar de trabalhar no seu dia de descanso para aumentar o orçamento familiar.

Sendo assim os deputados descansam mais do que trabalham literalmente, ora vejam, se uma semana tem sete dias, os dias de trabalho normalmente são cinco, se um deputado resolve faltar à segunda e a sexta feira    na mesma semana, isto quer dizer que o deputado só vai trabalhar três dias na semana e vai descansar quatro dias.

Esta é só mais uma das muitas outras mordomias que os políticos brasileiros tem, sem falar das muitas outras que nós, o povo, nem sabemos. 

Com tantos projetos por votar e tantos outros parados, por falta de sabe-se lá o quê, é óbvio que não tenham tempo mesmo, se trabalhassem os sete dias da semana não teriam tempo suficiente para aprovar todos os projetos e leis, quanto mais trabalhando apenas três dias da semana, é uma falta de respeito enorme com o cidadão.

É por isto que a legislação brasileira é muito antiga, porque os políticos não fazem questão de mudá-la. Todos os dias vemos casos e mais casos de bandidos presos de manhã e soltos a tarde, isto porque a própria legislação brasileira permite e continuará permitindo, porque quem deveria mudá-la não faz a mínima questão de mudar, este é só um exemplo do descaso dos políticos em relação ao compromisso que fazem com o povo durante as campanhas eleitorais.

Qual é compromisso dos políticos em relação ao desenvolvimento do país afinal? No que diz respeito a aprovações de leis como esta, a resposta é simples...ZERO, os políticos não tem compromisso nenhum, nem com o país, nem com o povo.


Obs: No que diz respeito aos políticos toda regra tem exceção, difícil é saber quem será a exceção da regra.

Deputada da Grécia insulta imigrantes.


Deputada da Grécia insulta imigrantes.
Uma deputada grega chamada Eleni Zaroulia, insultou ou melhor humilhou os imigrantes que vivem na Grécia. Durante um a sessão no Parlamento, a Deputada referiu aos imigrantes como "Sub-humanos e portadores de todos os tipos de doenças". 



Tudo começou porque a Deputada exigia um tratamento diferenciado aos gregos que estão regressando ao país, vindos de países como a Albânia ou a da Rússia e para expressar a usa vontade ou sua opinião usou a seguinte frase; "É inaceitável que eles sejam comparados a este tipo de sub-humanos que invadiram o nossa pátria com todo o tipo de doenças que transportam com eles". 

E segundo algumas informações, as palavras da Deputada ainda recebeu inúmeros aplausos, vindos da bancada do partido da Deputada, nomeadamente o Aurora Dourada, composta por 18 deputados, que foram eleitos na última eleição e que conta com expectativa de crescer o número de parlamentares, uma vez que o partido está crescendo nas sondagens eleitorais e já é o terceiro maior partido do país.

O mais interessante dessa história toda, desse caso lamentável de racismo é que a Deputada Eleni Zaroulia foi nomeada no início deste mês, membro do comité de igualdade e anti-descriminação da assembleia parlamentar do Conselho da Europa. 

Parece brincadeira, mas não é, uma pessoa membro de uma entidade que luta contra a desigualdade e a descriminação, agir dessa maneira, não há explicação nenhuma. E o pior disso tudo é que ela se recusou a pedir qualquer tipo de desculpas.

A Deputada vem com isto sofrendo duras críticas principalmente nas redes sociais, pela utilização de um tom xenófobo e racista. Ao que tudo indica, parece que Deputada também é adepta das redes sociais para fazer publicações polêmicas, porque ela também publicou no Twitter uma mensagem ridícula com tons no mínimo desumano. Tudo aconteceu depois de ter sido divulgado um vídeo em que um grupo de paquistaneses agrediu uma jovem grega ligada à esquerda radical. A Deputada escreveu a seguinte mensagem, "Uma pena, deviam tê-la violado". 

Vale a pena salientar que o partido da Deputada é de extrema direita e a jovem agredida é adepta da esquerda radical, mas enfim, em nada justifica o cometário ridículo da Deputada.

Outro episódio de nível racial que a Deputada se envolveu foi por negar a existência do Holocausto dos judeus na II Guerra Mundial. 

Também no mês de abril, a Deputada e o marido viram-se envolvidos num escândalo, onde a impressa da Grécia divulgou que os dois eram membros do conselho de administração de um hotel, conhecido como um local de encontros sexuais, no centro da capital grega (Atenas).

Com um histórico repleto de escândalos de níveis xenófobos, raciais e outras coisas mais sabem-se lá o que, quem é que nomeou esta senhora como membro do comité de igualdade e anti-descriminação da assembleia parlamentar do Conselho da Europa? E este conselho, com tantos escândalos e declarações desse nível, como aceitaram-na como membro? Realmente há coisas na política que não há explicação.

quarta-feira, 17 de outubro de 2012

Transfusão de café com leite mata.

Palmerina Pires Ribeiro morreu após transfusão de café com leite.

Será fatalidade ou irresponsabilidade?

No posto de saúde de São João do Meriti, no estado do Rio de Janeiro, um erro fatal ou uma irresponsabilidade, tirou a vida de uma senhora idosa com cerca de 80 anos.

A vítima dessa vez foi Palmerina Pires Ribeiro, que morreu no passado domingo após ter recebido, "por engano", uma transfusão de café com leite. 

Palmerina estava internada há cerca de dez dias com uma infecção renal e estava a ser alimentada por uma sonda no nariz e também  por soro.

Foi a família da própria Palmerina Pires Ribeiro a detectar o erro e a denunciá-lo. Segundo informações de alguns familiares, duas enfermeiras entraram no quarto da idosa e uma das enfermeiras injetou o café com leite no cateter em que deveria circular apenas soro.

De acordo com algumas informações, o erro fatal terá sido cometido por uma enfermeira estagiária com cerca de 23 anos de idade e que estava trabalhando  no Posto de Saúde  há apenas um mês.

A irresponsabilidade gerou muita revolta e está causando muita polêmica no Rio de Janeiro, a polícia foi acionada e prometeu investigar o caso. A Prefeitura da cidade juntamente com a Diretoria do Posto de Saúde também se comprometeram a investigar o caso e a prestarem esclarecimentos à família da vítima.

Por enquanto as duas profissionais, nomeadamente as enfermeiras e a técnica de enfermagem foram afastadas das funções e podem inclusive a serem acusadas de homicídio.

Parece que virou rotina essas barbaridades porque outro caso semelhante já tinha ocorrido uma semana atrás  na Santa Casa de Barra Mansa, também no Rio de Janeiro. Outra senhora idosa que se chamava Ilda Vitor Maciel, de 88 anos, morreu depois de lhe terem aplicado sopa pela veia, em vez da medicação habitual.

Não é a primeira vez que casos como esses aparecem nos hospitais ou postos de saúdes no Brasil, quem acompanha as notícias sabem muito bem que essas irresponsabilidades volta e meia acontecem, o motivo, esse todos nós desconhecemos, será negligência, falta de preparação ou simplesmente irresponsabilidade?

Nesses casos os "irresponsáveis" deveriam ser punidos duramente, porque com a vida dos seres humanos não se brincam, se não querem trabalhar deem a vaga a quem queira, o que é inadmissível são famílias sofrerem por conta de pessoas irresponsáveis. 

Como uma pessoa se engana e injeta café com leite ou sopa noutra, não tem cabimento nenhum, estas duas cidadãs não seres humanos, uma maldade tamanha não tem cabimento em lugar nenhum, cada vez me revolto mais com pessoas com índoles dessa.

sexta-feira, 12 de outubro de 2012

Europa

Portugueses manifestam contra a política de austeridade.


Portugueses manifestam contra a política de austeridade.

Dia 15 de Setembro de 20012, ficou marcado pelo dia em que os portugueses saíram às ruas para demostrarem toda a sua insatisfação pela política de austeridade aplicada pelo governo.

A manifestação ocorreu em várias cidades do país, mas sempre de forma pacífica e organizada, uma belo exemplo em termos de protesto, que geralmente ou na maioria das vezes termina em tumulto ou baderna e acaba perdendo a razão do manifesto.

O protesto foi um dos maiores em termos de manifestação popular desde a "Revolução dos Cravos, em abril de 1974, que trouxe a democracia ao país". Toda a convocação para o movimento foi feito através das redes sociais, por pessoas indignadas com a situação atual em que vive o país e acabou recebendo apoio dos partidos de esquerda e sindicatos. 

O povo gritou e protestou contra o Executivo conservador do Primeiro Ministro Pedro Passos Coelho, que insiste em aplicar duras medidas de austeridade durante os seus 15 meses no poder, que tem como objetivo principal o cumprimento das exigências do FMI acordadas para o resgate financeiro. 

A verdade é que com esta política de austeridade que o governo tem adotado, nada tem resolvido para tirar o país da situação em que está, muito pelo contrário só está piorando, como exemplo temos o desemprego que atingiu a taxa de 15% e a recessão que atualmente é de 3,2%. 

Depois de na passada sexta feira (07 de Setembro) o governo anunciar a manutenção dos cortes nas reformas, a notícia também não era nada boa para os trabalhadores, com um aumento nas contribuições para a segurança social de 11% para 18% do seu salário mensal e com descidas nas contribuições para as entidades patronais de 23,75% para 18%, a mesma taxa que os trabalhadores irão contribuir, no que julga ele ser uma tentativa de fomentar o emprego. 

Os especialistas afirmam que cada trabalhador perderá em média cerca de um ordenado por ano, uma injustiça tremenda para toda classe trabalhadora e que com certeza não aumentará de forma nenhuma o emprego em Portugal. A questão é muito simples, basta saber que o governo não tem poderes para controlar a tesouraria de empresa nenhuma, o que vai gerar é uma classe trabalhadora mais frustrada, sem falar da queda no consumo que vai gerar e nas dificuldades financeiras que as famílias vão passar.

Basta de austeridade...o povo já não suporta mais.

quinta-feira, 11 de outubro de 2012

Cultura - Feira anual e 32.º salão de artesanato de Vila Franca de Xira.

http://www.news365mundo.com
News365mundo.com   em pareceria com  Brazucafest.com na Feira Anual e 32.º Salão de Artesanato de Vila Franca de Xira.

De 5 a 14 de outubro, a Câmara Municipal de Vila Franca de Xira organiza, no Parque Urbano da cidade de Vila Franca de Xira, a Feira Anual, uma tradição centenária que todos os anos é revivida na Cidade.

Todo festejo reúne ainda muito mais atrações nomeadamente, a feira tradicional com uma imensidão e variadíssima quantidade artigos para a venda, artesanatos, tasquinhas e muita animação com parque de diversão para crianças jovens e adultos, atraindo visitantes de todo o país.

Sendo Vila Franca de Xira um dos principais centros taurinos de Portugal cumpre-se, nas ruas da Cidade, a tradição popular da festa brava, com largadas e esperas de touros. Dentro da Praça de Toiros Palha Blanco ocorre as famosas e polêmicas corridas de touro.

No Pavilhão Multiusos que fica dentro do Parque Urbano, acontece a 32.ª edição do Salão de Artesanato, onde é possível adquirir peças de artesanato de quase todo o país, e que conta, pela primeira vez, com a representação oficial do arquipélago da Madeira.

Para quem gosta de artesanato é uma boa oportunidade de adquirir peças de cerâmica, têxtil, madeiras, vidro, ouro ou mesmo doçaria e aperitivos tradicional, há ofertas para todos os gostos. Durante as compras é possível apreciar o trabalho dos artesão ao "vivo e a cores", realizando seus trabalhos e suas obras de artes, onde algumas estão ali representadas.

Serão dez dias para desfrutar de uma verdadeira festa de cor e alegria, recheada de tradições e junto de uma zona privilegiada, à beira-rio, onde podemos apreciar o caminho pedonal que liga Vila Franca de Xira a Alhandra, num percurso de cerca de três km.

Como nosso objetivo é mostrar ao mundo como vive a comunidade brasileira em Portugal, o Brazucafest.com foi conferir de perto todos os festejos da feira anual, mostrando de perto a comunidade brasileira nas terras de Vera Cruz.

O Brazucafest.com foi ao "terreno" fotografar e documentar os brasileiros e luso-brasileiros, com seus cônjuges portugueses ou brasileiros e seus filhos nascidos em Portugal ou mesmo trazidos do Brasil para o seio da família luso-brasileira, festejando e comemorando uma tradição centenária Lusitana.


Confiram o programa da festa. 

05 de Outubro
  • Inauguração da Feira Anual e Salão de Artesanato - 16h00
Esperas de Toiros
  • 5, 7, 8 e 9 de outubro – 10h30
  • 6 de outubro -16h30
Na Praça de Toiros Palha Blanco
  •  I Grande Corrida pela Diferença - 7 de outubro - 17h00
  •  Histórica Corrida à Portuguesa - 9 de outubro - 22h00
  • Espetáculo de variedades taurinas - 13 de outubro - 17h00
Horário Feira:
  • sexta-feira, 5 de outubro: das 13h00 às 02h00
  • sextas e sábados: das 13h00 às 02h00
  • domingos e restantes dias: das 13h00 à 01h00
Salão de Artesanato:
  • 5 de outubro — 16h00 à 01h00
  • 6 de outubro — 15h00 à 01h00
  • 7 de outubro — 15h00 às 23h00
  • 8 a 11 de outubro — 17h00 às 23h00
  • 12 de outubro — 17h00 à 01h00
  • 13 de outubro — 15h00 à 01h00
  • 14 de outubro — 15h00 às 23h00
Por: Roniglei Lima
Vila Franca de Xira Portugal

sábado, 6 de outubro de 2012

Eleições Municipais 2012.


Eleições Municipais 2012.
Domingo, 07 de Outubro de 2012, fim de semana decisivo no que diz respeito às eleições municipais de todo Brasil, dia em que a população brasileira vai escolher os seus representantes governamentais municipais, nomeadamente prefeitos e vereadores, para o mandato 2013/2017 e por falar nisso quero mandar uma mensagem em especial para o Município de Itanhém-Bahia.



Durante todo processo eleitoral, os eleitores tiveram a oportunidade de conhecer todos os projetos dos respectivos candidatos a prefeito, vice-prefeito e vereadores, foram longos três meses de muitos apertos de mãos, visitas domiciliares, beijinhos, comícios, reuniões, carreatas, passeatas, debates, churrascadas, cervejadas, folia, ameaças, apresentações de projetos outras vezes nem por isto, muitas vezes os microfones se transformaram em verdadeiras "armas" para acusar, difamar e falar as mesmas asneiras de sempre, aquela baixaria que muitos candidatos adotam como discurso.

Esse processo de campanha eleitoral serve para o povo conhecer os respectivos candidatos, o que ele faz, o seu passado como cidadão de bem como manda o figurino e o pior de tudo, tentar "prever" o futuro dos candidatos bem como do município também, este período serve também para analisar se vale a pena a reeleição dos muitos candidatos a vereadores que estão a concorrer a mais um novo mandato.

Os representantes governamentais de um povo devem conhecer as dificuldades e necessidades da comunidade que ele representa, assim como o povo também deve conhecer os seus representantes no governo, todo esse processo de campanha eleitoral serve para estreitar este laço e aproximar o candidato do povo e o povo do candidato, para que se firme uma confiança total de ambos os lados de modo que não seja desfeita depois da eleição.

Muitos candidatos optam por fazerem uma campanha eleitoral baseada no poder econômico,  esbanjando valores incalculáveis para se elegerem ou reelegerem, a lei proíbe este tipo de situação, mas muitas vezes torna-se quase impossível coibir e punir os candidatos que utilizam estes artifícios, porque o povo também não recrimina aceitando determinadas "prendas", mas esquecem-se que depois de eleito o candidato "reembolsará" toda despesa feita durante a campanha eleitoral.

Peço a todos os eleitores do Município de Itanhém, que na hora de escolher os seus representastes, pensem bem e reflitam sobre o caráter principalmente de cada candidato, aquele que ameaçou-te, tentou subornar-te, prometeu aquilo que não pode cumprir, não deveriam nem concorrer ao cargo mas de uma forma ou de outra conseguiram, mas cabe a você eleitor decidir quem será o seu representante no governo municipal.

Votar consciente é votar com inteligencia pensando sempre no futuro, no desenvolvimento e no progresso do município, deixando de lado a troca de favores, é preciso deixar de lado também a amizade simplesmente porque pelo fato de ser seu amigo não significa que ele será um bom governante, fator muito difícil de levar em conta diga-se passagem, resumindo o momento da escolha do candidato significa o que candidato pode fazer ou trazer de bom para o município sem pensar no que o candidato "X" vai fazer por mim se for eleito, outro fator também muito difícil de considerar, diga-se de passagem.

Vote no candidato honesto, que vai trazer o progresso para o seu município e consequentemente trará o progresso para você e sua família, seja honesto com você mesmo não se venda.

Dignidade!!!É assim que se constrói um PAÍS desenvolvido.